Notícias do Vale do Paranhana.

O vereador de Parobé Gilberto Gomes (PRB) apresentou recentemente em encontro (foto) com a secretária Nacional da Juventude – órgão que integra o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, do governo federal –, Jayana Nicaretta da Silva, o projeto do empreendedorismo em sala e aula que foi aprovado no município. A iniciativa objetiva promover e disseminar a educação empreendedora nas instituições de ensino por meio da oferta de conteúdos específicos.

Em conversa com o parlamentar parobeense, Jayana destacou a atenção especial que a nova gestão tem dado à profissionalização do jovem e ao ingresso no mercado de trabalho.

— Hoje, a juventude sofre com a falta de oportunidades e perspectivas. Por isso, todos os nossos esforços estão voltados para estes problemas. Queremos que os jovens desenvolvam habilidades consoantes com as novas demandas profissionais — explicou.

Jayana destacou os programas da Secretaria Nacional da Juventude (SNJ) que estão em sintonia com as competências relacionadas à 4ª Revolução Industrial (novas tecnologias).

— O jovem precisa se atualizar e se adaptar ao novo cenário mundial. Muitas das profissões que temos hoje não existirão em alguns anos. Estamos investindo em programas focados nas áreas de tecnologia e de empreendedorismo — afirmou.

Dentre os projetos da SNJ estão o Espaço 4.0, baseado nos Fab Labs desenvolvidos no Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT). Os laboratórios possibilitam ao jovem carente o acesso à capacitação tecnológica com equipamentos de última geração. O órgão também apresentou o Empreenda Jovem, projeto em desenvolvimento que busca diminuir o êxodo rural e fomentar o empreendedorismo jovem.

O vereador vai buscar junto à Secretaria Nacional da Juventude (SNJ) a instalação do Espaço 4.0 em Parobé através de uma emenda do deputado federal Carlos Gomes (PRB).

— Os Fab Labs vêm de encontro com o projeto de empreendedorismo em sala de aula aprovado no município e que foi apresentando para a secretária Nacional da Juventude para se tornar uma política de educação do empreendedorismo em sala de aula — declarou Gomes.