Notícias do Vale do Paranhana.

Em virtude da baixa adesão, a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e a Campanha Nacional de Multivacinação foram adiadas em todo o Estado.

Até o dia 21 de novembro, crianças e adolescentes, até 15 anos de idade, podem ser levados pelos pais ou responsáveis até às salas de vacinação de Taquara para atualizarem as carteirinhas de vacinação. No sábado, dia 21, das 8h às 12h e das 13h às 17h, ocorre o Dia D da Vacinação para quem não tem possibilidade nos dias da semana.

A Secretaria Municipal de Saúde atenta à comunidade que das vacinas do calendário, estão em falta a BCG, a Febre Amarela e a HPV, sendo que estas, exclusivamente, serão feitas somente, após o abastecimento pelo Estado que é responsável pela distribuição das doses. Também lembra que quem está com a carteirinha atualizada não precisa fazer novas doses.

— Tivemos uma reunião com a Secretária de Saúde do estado do Rio Grande do Sul, Arita Bergmann, onde discutimos estratégias para aumentar ou chegarmos perto da meta estabelecida de vacinação. O RS não conseguiu atingir a meta de 95% de cobertura vacinal, razão pela qual estamos ampliando a campanha, fazendo um apelo aos pais que levem as crianças até as nossas salas de vacina pois é muito importante a imunização — afirma Petry.

Até o último levantamento, feito na quarta-feira (30), haviam sido vacinadas, em Taquara, 1.619 crianças, 58,17% da meta, que prevê a aplicação de 2.783 doses, 90% do público alvo.

— São dois motivos principais para não termos alcançado a meta: o fato da pandemia em si, pois passamos meses dizendo para as pessoas ficarem em casa e a difusão da ideia de que vacinar não é necessário, as fake news, tudo isso fez com que as pessoas relaxassem e não procurassem os serviços de imunização. Essa discussão em torno da vacinação obrigatória para a Covid reflete nas demais vacinas, as imunizações precisam continuar, com todos os critérios sanitários estabelecidos pela Organização Mundial da Saúde, pelas vigilâncias, no nosso caso a Anvisa. A imunização precisa ser obrigatória no meu ponto de vista — reitera o secretário.

HORÁRIO DE ATENDIMENTO

Em Taquara, o serviço é oferecido à comunidade nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) Mundo Novo e Santa Terezinha, de segunda à sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h; na UBS Empresa, nas quartas e sextas-feiras, das 8h às 11h30 e das 13h às 17h e no Piazito, nas quartas e sextas-feiras, das 8h às 12h e das 13h às 17h e na segunda, terça e quintas-feiras, o dia todo, sem intervalo ao meio-dia. No sábado, 21, o Dia D de Vacinação, ocorre nas UBS já destacadas, das 8h às 12h e das 13h às 17h.