Notícias do Vale do Paranhana.

O prefeito de Três Coroas, Orlando Teixeira, e seu vice, Eraldo Araújo, se manifestaram contra a prorrogação das alíquotas do ICMS nos patamares atuais, quando consultados na quarta-feira (21) pela Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs).

Para eles, esse imposto é muito elevado no Rio Grande do Sul, fazendo com que as empresas gaúchas percam a competitividade no mercado.

— Isso está afastando as empresas do estado, no momento em que mais precisamos gerar emprego e renda. Muitas empresas estão se mudando para outros estados e outras não têm interesse em se instalar aqui, devido à alta tributação — falou Orlando.

Segundo o prefeito, cuja economia da cidade é mais de 80% atrelada à produção de calçados, a redução do ICMS seria fundamental para a recuperação da economia do município.

A manifestação do executivo municipal ocorreu após a Famurs ter indicado que a maioria dos prefeitos gaúchos defende a prorrogação das alíquotas do ICMS nos patamares atuais, durante encontro com o governador eleito Eduardo Leite nesta quinta-feira.

Atualmente tramita na Assembleia Legislativa o projeto de lei para que o aumento de impostos realizado pelo governo de José Ivo Sartori (MDB) seja mantido por mais dois anos.