Notícias do Vale do Paranhana.

O prefeito de Três Coroas, Orlando Teixeira, embarcou nesta segunda-feira (11) a Brasília em busca de apoio político para a obra de pavimentação asfáltica da Rota Panorâmica, que liga o município à cidade de Canela.

Devido a sua extensão e custo, a obra só poderá ser executada com recursos federais. Para isso ela dependerá de sua inclusão no Orçamento Geral da União de 2020, cuja indicação é feita pela bancada gaúcha da Câmara de Deputados Federais.

Acompanhado do seu secretário de Indústria, Comércio, Turismo e Desporto, Tiago Scariot, e do secretário Adjunto da Secretaria de Obras, Serviços Urbanos e Agricultura de Canela, Germano Junges, Orlando visitará o gabinete de todos os deputados e senadores gaúchos para explicar a importância da obra.

Assim como o da Rota Panorâmica, pelo menos outros 40 projetos devem ser apreciados pela bancada, mas só alguns poderão ser indicados pela bancada.

Além de pedir apoio para a Rota Panorâmica, o prefeito Orlando anunciou que irá tratar de demandas de recursos para a saúde, educação, agricultura e obras na capital federal.

DESEJO ANTIGO

Elaborada há uma década como forma de fortalecer o turismo rural e ser uma alternativa a ERS-115, o projeto da Rota Panorâmica prevê a pavimentação asfáltica de 23 km de uma estrada rural que interliga Três Coroas e Canela.

De acordo com o projeto, a obra beneficiará inúmeros empreendimentos turísticos, além dos parques de lazer e aventura que estão instalados nesse trajeto, assim como pretende estimular o surgimento de outros empreendimentos e melhorará as condições de trafego para os turistas.