Notícias do Vale do Paranhana.

Mesmo em meio à pandemia e paralisação do comércio e indústrias, o que veio a comprometer a renda de muitas pessoas, o governo do Estado não prorrogou o período limite para quitação do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

O tributo ingressa na sua última etapa neste mês de abril. Os pedidos partiram de formalizações por parte de deputados e, também, pelos proprietários de veículos.

Confira as datas máximas para pagamento

Além disso, quem ainda não liquidou o IPVA deve ficar atento aos prazos de quitação do imposto, que agora vigora conforme o número final da placa do veículo.

Final com número 1 – vencimento: 1º de abril
Final com número 2 – vencimento: 3 de abril
Final com número 3 – vencimento: 6 de abril
Final com número 4 – vencimento: 8 de abril
Final com número 5 – vencimento: 13 de abril
Final com número 6 – vencimento: 15 de abril
Final com número 7 – vencimento: 17 de abril
Final com número 8 – vencimento: 22 de abril
Final com número 9 – vencimento: 24 de abril
Final com 0 – vencimento: 27 de abril

Como pagar o IPVA

Neste período de restrição de deslocamentos, a Receita Estadual reforça a opção de pagamento online pelo Banrisul, Bradesco, Santander, Sicredi e Banco do Brasil (neste último somente para clientes). Uma grande parte dos contribuintes já utilizam aplicativos ou serviços de home banking no pagamento do IPVA, o que deve ser intensificado neste período. Quem não tiver acesso a essa modalidade precisa realizar o pagamento presencialmente nos bancos citados ou também nas agências lotéricas da Caixa.

Para fazer o pagamento, basta ter em mãos o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) ou apenas a placa e o Renavam do veículo.

A consulta do valor a ser pago e multas e pendências podem ser acessados no site específico sobre o imposto (clique aqui) ou no aplicativo para dispositivos móveis (IPVA RS) disponível gratuitamente na App Store e na Google Play.