Notícias do Vale do Paranhana.

O governo do Rio Grande do Sul divulgou, na tarde desta segunda-feira (26), o mapa definitivo do modelo de distanciamento controlado desta semana. O Estado volta a ter uma região com bandeira vermelha após duas semanas consecutivas sem o registro de risco epidemiológico alto para o coronavírus. Todas as outras 20 regiões se encontram na cor laranja, de risco médio. A classificação vale a partir desta terça-feira (27) e segue até a próxima segunda (2).

Na cor vermelha, está a região de Cruz Alta, que apresentou piora em alguns indicadores na semana passada, entre eles a elevação no número de hospitalizações para Covid-19 e de pacientes em leitos de UTI. A região não apresentou recurso ao governo. No entanto, como a área está inserida no sistema de cogestão, os municípios podem apresentar restrições de atividades diferentes das estabelecidas pelo Comitê de Dados do Piratini.

Em laranja, estão as regiões de Porto Alegre, Bagé, Cachoeira do Sul, Canoas, Capão da Canoa, Caxias do Sul, Erechim, Guaíba, Ijuí, Lajeado, Novo Hamburgo, Palmeira das Missões, Passo Fundo, Pelotas, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santa Rosa, Santo Ângelo, Taquara e Uruguaiana.

ALERTAS

A equipe de monitoramento do Comitê de Dados chama atenção para o elevado crescimento em novos registros de hospitalizações por Covid-19 nos últimos sete dias nas regiões de Taquara, Santa Rosa, Ijuí, Capão da Canoa, Palmeira das Missões, Caxias do Sul e Passo Fundo.