Notícias do Vale do Paranhana.

A Prefeitura de Parobé flexibilizou o decreto de calamidade pública e vai permitir a abertura doe comércio e indústrias. As medidas entram em vigor a partir de terça-feira (31). A decisão foi tomada na sexta-feira (27) pela prefeita Maria Eliane Nunes depois de uma reunião com os prefeitos associados da Associação dos Municípios do Vale do Paranhana (Ampara).

Conforme a prefeitura, o motivo de diminuir o regramento par evitar o contato social são os graves prejuízos à economia. Assim, ficou determinando o seguinte

A partir de 31 de março

– As indústrias do município com até 15 funcionários estão autorizadas a reabrir, sendo proibido o trabalho de idosos, grávidas, portadores de doenças respiratórias, hipertensos e diabéticos.

– O comércio de materiais de construção, serviços autônomos, domésticos e os serviços prestados por profissionais liberais, ficam autorizadas a voltarem as suas atividades, observadas as mesmas restrições referidas anteriormente.

A partir de 1º de abril

– Os comerciantes em geral poderão retornar as suas atividades, observadas as mesmas restrições anteriores. Com exceção dos bares e lanchonetes, que seguirão as instruções do decreto 024/2020, podendo atender com telentrega.

– Fica autorizada a realização de missas e cultos religiosos, desde que respeitados a capacidade máxima de 25% do espaço físico, tendo o distanciamento de no mínimoum metro dos presentes.

As indústrias em geral, com mais de 15 funcionários deverão seguir as orientações do decreto nº 024/2020, que determina a paralisação até 5 de abril de 2020 ou até novas decisões.