Notícias do Vale do Paranhana.

A Secretaria de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente de Taquara, está desde setembro do ano passado, apoiando o trabalho de pós graduação em Ecologia, realizado pelos alunos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS. Tendo como referência um diagnóstico ambiental feito na bacia hidrográfica do Rio da Ilha, em Taquara, o objetivo inicial da secretaria é a recuperação da mata ciliar nas localidades estudadas.

A idéia para este estudo surgiu de um contato feito entre a Secretaria de Esporte e Turismo – SETUR e a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente e a UFRGS. Alunos da universidade iniciaram uma pesquisa nas áreas rurais do município, primeiramente levando em consideração o problema do borrachudo existente e, após, enfatizando o turismo local, já que além do diagnóstico sócio-ambiental, percebeu-se que Taquara possui uma região propícia para o desenvolvimento do turismo rural, precisando de algumas modificações para que isso possa ocorrer.

Várias análises foram feitas pelos alunos: a água foi verificada em cinco pontos diferentes no Rio Padilha e Rio da Ilha, a fauna, a flora e as potencialidades para o turismo também foram estudados, ainda foram feitas entrevistas com os moradores das localidades para a obtenção de maiores informações.

Através destas análises e diagnósticos realizados, a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente está disposta a iniciar um trabalho, juntamente com a Emater, de recuperação da mata ciliar, mas para isso a comunidade das regiões rurais teriam que colaborar cercando e cuidando os locais de plantio de novas mudas, até para que o gado não prejudique este trabalho. Com a recuperação e preservação da mata ciliar a natureza fica mais protegida e a diminuição do borrachudo é evidente, segundo informações da fiscal ambiental da secretaria, Dione Gelinger, segundo ela, mais diagnósticos serão feitos, com a possível ajuda do laboratório de ecologia da UFRGS, e logo, o trabalho será iniciado.

O artigo do programa de pós-graduação e a sua exposição foi realizada no dia 28 de Julho, em Rodeio Bonito, onde foi apresentado todo o diagnóstico e as possíveis soluções para os problemas encontrados. Nesta reunião estiveram presentes representantes da Emater, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, moradores de Rodeio Bonito, Padilha Velha e Passo da Ilha e responsáveis das Secretarias da Administração de Taquara.