Notícias do Vale do Paranhana.

A fiscalização por radar móvel deve ser a alternativa a ser adotada pelos comandos rodoviários da região com o desligamento dos de pardais em 13 rodovias estaduais.

O primeiro lote, que expirou a partir da meia-noite de quarta-feira (17), fiscalizava 68 trechos. Já na madrugada do próximo domingo (21), outras 25 faixas de rodovias também terão seus equipamentos desligados.

Serão desativados os pardais nos quilômetros 18 (Novo Hamburgo), 32 (Sapiranga) e 42 (Parobé) da RS-239. Para a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o último é o ponto mais crítico e que exigirá maior fiscalização, já que o quilômetro 42 é em um local que cruza o perímetro urbano de Parobé e onde há grande fluxo de pessoas. Segundo a PRE, serão monitorados todos os pontos que terão os pardais desligados e a fiscalização por radar móvel será intensificada.

A desativação dos radares foi anunciada em maio deste ano e se deve ao vencimento contratual das empresas Perkons e Fiscal Tech, que faziam a gestão do funcionamento dos controladores.

DADOS DO DAER E DNIT ALERTAM PARA A INSEGURANÇA

Em nota divulgada em abril deste ano, o Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Sul (Detran-RS) relatou que o “excesso de velocidade é um dos maiores fatores que potencializam o risco dos acidentes e também os danos por eles causados, especialmente nas rodovias”.

Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), entre 2010 — quando foi implantado o Programa Nacional de Controle Eletrônico de Velocidade — e 2016, a presença dos radares nas rodovias federais contribuiu para a redução de cerca de 25% no número de mortes.

OS CONTROLADORES NO PARANHANA, SINOS E SERRA

RS-239 – Novo Hamburgo (quilômetro 18, na altura do bairro São José)
RS-239 – Sapiranga (quilômetro 32, na altura do bairro Amaral Ribeiro)
RS-239 – Parobé (quilômetro 42, na altura do bairro Colina do Leão)
RS-239 – Taquara (quilômetro 55, próximo ao depósito de carros do Detran, entre Taquara e Rolante)
RS-240 – São Leopoldo (quilômetro 2, bairro Scharlau)
RS-240 – Capela de Santana (quilômetro 22, na altura do bairro Paquete)
RSC-453 – São Francisco de Paula (quilômetro 175, na Vila Seca)
RSC-453 – São Francisco de Paula (quilômetro 210, na localidade de Lajeado Grande)
RSC-453 – São Francisco de Paula (quilômetro 230, na localidade de Lajeado Grande)

*Com informações do jornal NH