Notícias do Vale do Paranhana.

O Governo do Estado do Rio Grande do Sul elaborou e divulgou nesta semana um plano de retomada das aulas nas redes pública e privada de diversos níveis de ensino. O retorno das atividades será de forma gradual, dividido por etapas, nas quais municípios e instituições de ensino deverão seguir uma série de recomendações estipuladas por protocolos.

Para esclarecer alguns temas para a população e a comunidade escolar, o prefeito Constantino Orsolin e o secretário de Educação, Gilberto Tegner, participaram de uma live em uma rede social da Prefeitura na noite de quinta-feira (29), oportunidade em que projetaram como ocorrerá o processo em Canela.

No mês de junho a primeira etapa do plano prevê que as atividades escolares sigam sendo realizadas apenas por meio do ensino remoto, onde professores disponibilizam conteúdos de forma online. A Secretaria de Educação de Canela também possibilita que pais ou responsáveis busquem as tarefas diretamente nas escolas municipais, caso essa seja uma preferência ou o aluno tenha dificuldade de acesso à internet.

— Este trabalho já vem sendo desenvolvido aqui em Canela e aproveito para parabenizar a dedicação e o empenho dos nossos professores que estão mantendo o vínculo, a rotina e a qualidade da educação — comenta o secretário Gilberto Tegner.

Já para a segunda etapa, cujo início será em 15 de junho, estão previstas atividades de Ensino Superior, Pós-Graduação e Ensino Técnico Subsequente. A retomada será restrita ao estágio curricular obrigatório e às atividades práticas de ensino essenciais à conclusão de cursos, de pesquisa e em laboratórios.

FERRAMENTA CANELA EDUCA

Para facilitar e agilizar o trabalho remoto dos estudantes da Rede Municipal de Ensino neste período de pandemia, a Prefeitura de Canela disponibilizou uma ferramenta no endereço eletrônico. No site é possível retirar as atividades escolares repassadas pelos professores, sem a necessidade de deslocamento até as escolas.