Apresentação

Este blog é uma tentativa de traduzir o trabalho do pensamento em palavra escrita, com direito a falhas, equívocos e perdões.
Obrigado aos que tiveram o trabalho de dedicar sua atenção!

Perfil

Marcos Kayser é um dos sócios fundadores da TCA Informática que iniciou atividades em 1988. Idealizador do software Scopi. Bacharel, licenciado e mestre em Filosofia pela Unisinos. Tem curso de formação em gerenciamento de projetos. Presidiu a Câmara da Indústria, Comércio, Serviços e Agropecuária do Vale do Paranhana (CICS-VP). Preside o Comitê Regional do PGQP no Paranhana. Escreveu o livro O Paradoxo do Desejo, com prefácio de Márcia Tiburi, onde busca investigar a "mecânica do desejo nas relações de poder", e o livro Quando Tamanho não é documento, contando a história da gestão da TCA, vencedora do Prêmio Nacional de Inovação.

Obras do Autor
Buscar

Archive for outubro, 2017

É dia do Professor

Hoje é dia do professor. A minha mãe, dna. Mary, era professora. Professora muito braba, mas muito querida e respeitada. Minhas queridas tias, tia Mairy e tia Branca, também eram professoras. Nasci no mundo da professorada. Dna Zelia, dna Dula, dna Zênia, as professoras do ensino primário, hoje ensino fundamental, ficaram registradas na memória. Talvez porque elas assumiam um papel de segunda mãe, aquela que ensina, corrigi e também dá amor. Também jamais me esquecerei do mestre Bauer e tantos outros. Professor que na época tinha status de doutor. Hoje o status decaiu e o vínculo com o professor se perdeu. Reflexo de uma sociedade diferente, onde as pessoas estão mais distantes uma das outras, mesmo aqueles que tem mais de mil seguidores nas redes sociais. É um mundo hiper conectado, mas super desintegrado, por mais paradoxal que pareça. Mais virtual e menos real. Confiamos menos uns nos outros e menos ainda nas instituições. Na época da minha mãe e das minhas tias, isso aconteceu a 50 anos atrás, o status era outro e o reconhecimento financeiro também. Um professor conseguia ganhar o suficiente para construir a sua casa própria. A formação também era outra e tinha estrita relação com vocação. Atualmente, tanto o professor, como o aluno beiram a frustração. O aluno criança ainda suporta ir à escola, enquanto lá brinca nos anos iniciais. Depois da 5ª série, quando o vínculo perde força porque não há mais a dedicação exclusiva de um só professor, se inicia o processo de desencantamento geral. Dizem que a escola precisa se reinventar. Acho isso muito bonito, mas acho também que esta reinvenção pode começar por fazer menos e melhor, mais profundidade e menos superficialidade. Partindo do pressuposto que não dá para ensinar tudo e que a escola pode fazer escolhas, junto com os pais, aos meus amigos professores, dentre os quais o amigo Ismael, já dei a minha opinião. Acho que teríamos um Brasil melhor se a escola ensinasse com excelência 4 disciplinas: Português (literatura junto). Matemática, Filosofia e Educação Física. Talvez eu acrescentaria mais uma: Empreendedorismo. O resto tá na Internet. É uma provocação em que me apóio numa teórica simplicidade para enfrentar a complexidade do mundo. Do jeito que a coisa vai, a educação no Brasil vai nos tornar ainda mais desiguais. Parabéns ao meu amigo Ronald pela coragem e por tudo mais! Parabéns aos meus tantos amigos professores que ainda sonham, se preocupam com o futuro de seus “filhos” e trabalham com competência e paixão!

TCA 29 anos

Lá se vão 29 anos de TCA. Somos da época do PC XT, do Plano Collor, do fusca. Por falar em fusca, tínhamos uma frota, do branco ao abacate. Chegar aos 29 anos é motivo de grande alegria e reconhecimentos. Reconhecimento de que o tempo voa, mas não impede de realizar sonhos, mesmo num país ainda muito hostil ao empreendedorismo como é o nosso. É possível reunir pessoas em torno de um objetivo comum, para além do lucro, do qual toda empresa depende para sobreviver. Desde jovens buscamos mais do que vender tecnologia. Buscamos prestar um serviço de qualidade e estabelecer vínculos de comprometimento com nossos clientes e comunidade. Jamais deixamos a região onde atuamos ficar para trás em termos de inovação tecnológica e qualidade no atendimento. Ficamos muito felizes com o sentimento de que a TCA não é exclusividade de seus sócios e funcionários. Cada cliente tem uma participação importantíssima nesta história. É assim que sentimos o carinho que cada um têm por nossa marca. Resta agradecer, especialmente pela confiança, e continuar dando motivos para manter a nossa conexão com muita FIBRA. Um super Muito Obrigado clientes, funcionários, parceiros e nossos familiares!!!

Arquivos