Apresentação

Este blog é uma tentativa de traduzir o trabalho do pensamento em palavra escrita, com direito a falhas, equívocos e perdões.
Obrigado aos que tiveram o trabalho de dedicar sua atenção!

Perfil

Marcos Kayser é filósofo e empresário. Escreveu o livro O Paradoxo do Desejo, com prefácio de Márcia Tiburi, onde busca investigar a "mecânica do desejo nas relações de poder", e o livro Quando Tamanho não é documento, contando a história da gestão da TCA, empresa da qual é um dos fundadores e foi vencedora do Prêmio Nacional de Inovação. Idealizador do Scopi, software líder de mercado, que tem como objetivo ajudar as organizações a criarem a cultura do planejamento.

Conheça o Scopi
Obras do Autor
Buscar

Retrospectiva 2011 da Agenda Paranhana 2020

Fazendo uma breve retrospectiva da Agenda Paranhana 2020 neste ano de 2010, destaco como um dos pontos fortes a sobrevivência do movimento que completou 4 anos. E não digo isso com entusiasmo pois um plano com a dimensão da Agenda não deveria ser destado por sua sobrevivência, mas sim pelo seu grau de crescimento. Contudo no contexto de resistências e dificuldades a sobrevivência precisa ser comemorada, principalmente diante da falta de compreensão por parte de algumas lideranças, que ainda não identificaram a importância deste planejamento. Um exemplo desta dificuldade é a falta de divulgação do banner da Agenda nos sites de boa parte das Instituições que se dizem parceiras. Além da sobrevivência, a realização dos Fóruns do Desenvolvimento e da Gestão Pública merecem destaque ao se constituirem em espaços preciosos da participação popular, discutindo e avaliando sobre os projetos destas temáticas.  Constatou-se mais uma vez que ainda estamos muito carentes de planos de desenvolvimento, começando pela ausência do planejamento estratégico municipal, que inclui um plano de metas com indicadores que poderiam ser acompanhados pela sociedade através do Portal da Transparência que já conta com mais de 100 indicadores à disposição. Está aí mais um ponto forte da Agenda, o Portal da Transparência que todos tem acesso na internet. O PGI – Programa de Gestão Inovadora que contou com a participação de 40 empresas, o projeto Rede Sabor Paranhana, a retomada da concepção do Hospital regional, o trabalho de redução de custos das feiras de calçados, são outros projetos que constam na Agenda e tiveram boa evolução durante o ano. Como principal ponto negativo, na minha opinião, continua sendo a falta de uma adesão mais consistente de parte de lideranças importantes na região e para confirmar minha opinião basta acessar o site da Agenda no endereço www.paranhana.org.br e ver quais projetos estão atrasados e quem são os seus responsáveis. Este fato não só lastimo como me traz preocupação visto que a falta da participação efetiva destas lideranças a região perde tempo e espaço para o seu desenvolvimento e mais difícil se torna melhorar sua posição no ranking gaúcho do desenvolvimento. Quem perde? Todos os cidadãos paranhanenses, inclusive aqueles líderes com grande potencial de promover o crescimento mas que ainda não perceberam que a Agenda é um bom caminho para todos. Que em 2011 se tenha mais união e integração entre as cidades e os poderes do Paranhana e que todos os paranhanenses tenham seus desejos realizados com felicidade!
Marcos Kayser
Coordenador Técnico da Agenda

Leave a Reply

Arquivos